sexta-feira, 9 de novembro de 2007

Loucura de poeta

“- No limiar do sonho,
transportas as portas do sono,
busco o que não ponho,
colho trigal sem dono.


Semeei grão em terra minha,
não colhi porque não quis,
cobiço cachos de outra vinha,
delícia que não se diz!


Doces frutos, doirados
por alegre sonho anil,
um a um vindimados
em sonho, ilusão...” Senil!


Louco poeta, olha o céu, o mar,
as árvores e os pássaros alegres,
o sol, as estrelas e o luar,
à paixão não te entregues!


Amor, felicidade e paixão.
qual azeite e água na candeia,
não se misturam nunca, não,
e fácil o fogo se lhes ateia.


Paixão arde em lume vivo,
Amor em puro lume brando
Felicidade, parece castigo,
nunca vai onde a mando!


Louco poeta, esquece as almas!
Ninguém as tem iguais à tua.
À loucura batem palmas,
mas não a querem como sua!


Vive o Mundo desta era,
esquece o de antanho!
Qual leoa, dura e fera,
trepa ao alto do lenho!


Olha de lá a Terra, os Homens,
A Vida e o Sol poente...
E diz que só um sonho tens:
Encarar a Vida de frente!




http://www.escritartes.com/forum/index.php?referredby=3

http://bp0.blogger.com/_VthY812whaQ/RjoLF2nheBI/AAAAAAAAAM8/yWr2gpgXEIQ/s1600-h/DSC_0132A.jpg

11 comentários:

lua prateada disse...

Parabéns!...mais que lindo...sem palavras e, que a luz prateada de minha lua...brilhe em teus caminhos...ilumine teus passos durante a noite e que jamais estejas na escuridao.Bom fim de semana.Beijinho com carinho
SOL

António disse...

Querida Goreti!
Agora andas numa de quadras.
Confesso que não gosto tanto delas como de muitos outros poemas que li escritos por ti.
Aqui não encontro a força nem a sensualidade que te é habitual.

Beijinhos

Bichinho disse...

Beijo fantasma.

Daniel Aladiah disse...

Querida Goreti
è com certeza uma mensagem para alguém...
Um beijo
Daniel

bettips disse...

Sinto-me honrada com o convite, lá no meu lugar pequenino. "De poetas, médicos e loucos..." . Nunca competeria nem quereria, há gente absolutamente maravilhosa por aí. Eu, poetiso a minha vida, às vezes e só. Obrigada, boa sorte e abraços!

irneh disse...

Obrigada pela tua visita ao meu blogue. Já visitei o escritartes mas não percebi como funciona. De qualquer modo, obrigada pelo convite.

Gostei do que li por aqui.

Beijinhos

livia soares disse...

Grata pela visita ao meu blog. Estive no Escritartes, mas também não percebi como funciona. Gostei muito deste poema "Loucura de Poeta", mas preciso vir aqui com mais calma para ler mais da tua produção. Aparece sempre, és muito bem-vinda.
Um abraço.

livia soares disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
herético disse...

agradeço a tua visita. e o amável convite. gostei dos teus poemas.

Nilson Barcelli disse...

De poeta e de louco, todos temos um pouco...
Belíssimo poema, de férteis palavras semeado.
Boa semana, beijinhos.

rui disse...

Olá Goreti

Mais um lindo poema.
As Palavras pelas tuas mãos têm outro sabor!
Adorei.

Beijinhos