segunda-feira, 2 de julho de 2007

Vem






Vem deitar-te no meu regaço,
Vem ouvir o deslizar das ondas nos meus lábios
Contando histórias de amor e paixão,

Vem...
Deixa a tua pele estremecer,
Deixa que meus dedos deslizem,
Destilem suspiros no contorno suave de teu rosto...
De lábios húmidos,
Ansiosos,
Desejo afogar-me nos teus...

Escorrego pelo teu peito ternuras de penas macias,
Cisnes brancos navegando no teu desejo,
E oiço o teu coração sobressaltado
Disparar na sedução!
Procuro o toque macio das tuas mãos
Mas elas saboreiam outro silêncio!
Segredo a mim mesma:
Saudade,
Passeia-me na sua alma,
Solta-me dentro do seu não ser!

18 comentários:

João Cordeiro disse...

Querida Goreti,
arrepiei-me ao ler este teu poema.
É terrivel por ser tão belo.
A saudade está sempre presente na nossa vida, de uma forma ou de outra.

Beijinhos

Entre linhas... disse...

A saudade permanece sempre aliada aos nossos sentimentos e pensamentos.
Adorei teu poema,parabéns.
Bjs Zita

poetaeusou disse...

*
Cisnes brancos navegando no teu desejo,
*
ji
*

Alice disse...

Que lindo... cheio de sugestão... como a imagem que o acompanha...
Bjs.

gasolina disse...

Poema em forma de lago onde deslizam aves brancas, puras como o amor e o desejo.
Palavras manejadas com arte. Tão simples como isso.

Obrigado por teres ido até mim que no caminho inverso as pedrinhas que deixaste marcaram-me até a trilha para chegar à poesia.

Um beijo, fica bem.

Alexandre disse...

«Vem ouvir o deslizar das ondas nos meus lábios»

Lindo! Gostei do poema e em especial desta frase que eu acho magnífica, sublime!

Muitos beijinhos!

Um Poema disse...

Há sentir, há sonho, há saudade e, quando assim é, há poesia.

Um abraço

rui disse...

Olá Poesia

Faz tempo que não apareço por aqui, mas é sempre bom voltar e verificar que a tua imaginação anda a vogar por mundos que nos encantam!

Gostei.

Beijinho

Vera Carvalho disse...

Já com saudade volto a este magnífico cantinho.
Deliciei-me com este poema que só pode ter sido escrito por penas macias.
Bravo!
Beijinhos

Menina do Rio disse...

Passeia-me na tua alma...

Intenso!!!

DairHilail disse...

que saudade...que lindo...

Maria Valadas disse...

Em poucas palavras, sublinho:

Simplesmente Divinal!

Beijos da

Maria

Fallen Angel disse...

Extremamente envolvente.. deliciosamente belo..

poetaeusou disse...

/
passei aqui
/
xi
/

Paulo Afonso disse...

Belo momento de:
Poesia
Magia
Amor
Liberdade
Sedução
e alegria

Abraço

DairHilail disse...

passa no loucuras, tens lá uma coisinha para ti...

Sophiamar disse...

Um poema muito bonito.Li e reli. Adoro poesia.
Beijinhos

Rafeiro Perfumado disse...

Muito outonal, o poema...