domingo, 7 de outubro de 2007

Amor

A poesia esqueci num leito de cardos
Reaprendi-a nos teus olhos, na tua boca,
Nada a nada, tudo a tudo, tão pouca...
Tanta para mim... sem o Dom dos bardos!


Pouco importa! Deixa o coração falar,
Dizer que te quer, que te ama,
Dizer, num sussurro, que o Amor me chama,
Me faz ser mulher, me faz... Desejar!


Leva-me nos teus braços ao Céu,
Ao Inferno, ao fim da Eternidade,
Que só na Eternidade não cabe
Um Amor tão grande como o meu!


Leva-me nos teus braços ao fim do Fim,
Ao Absoluto, uno, indivisível
Onde me perca no...inverosímil?
Deixá-lo! Quero ser em ti o melhor de mim!


Leva-me nos teus braços onde fores capaz,
À Felicidade, ao desespero da Paixão
Que dilacera, fibra a fibra, o coração,
Para de novo o fundir e lhe dar a Paz!


Não quero mais nada, mas é tanto o que quero
Que, sem coragem, não sei se quero querendo
Ou se não quero, temendo
Desesperar do que tanto espero!


http://www.escritartes.com

14 comentários:

Sol da meia noite disse...

O amor dá-nos asas e faz-nos ter unicamente o Céu como limite!!!

Beijinho!

António disse...

Olá, Goreti!
Um magnífico poema com a força que imana de ti.
De amor!
O título não engana.

Beijinhos

elsa nyny disse...

Muito lindooo!!

Convido-te para o 1º aniversário do - EU ESTOU AKI - !

Beijinhos!!!

Daniel Aladiah disse...

Aprendendo a ler-te, porque não sei as letras de antes...
Um beijo
Daniel

O Sentir dos sentidos disse...

Toda força do amor aqui sentimos,intensidade no querer,profundidade na expressão - AMOR!
Lindo,lindo,lindo!

"Leve-me nos teus braços ao fim do Fim,Ao Absoluto,uno,indivisível..."

Maravilhoso!!!...Maravilhoso!!!

Beijo,

Obrigada por tua visita :)

Jorge Bicho disse...

Olá doce G,

fazes falta nos silêncios que me despertas. Os teus textos têm a textura de um desejo de manhã, de um Sol brilhante que me falta.
fica por aí, não me faltes por favor
JB

Olhos de Mel disse...

Que maravilhoso! Esse é o amor que acredito. De entrega! Viva-o intensamente e seja feliz!
Que sua semana seja de grandes realizações!
Beijos

João Cordeiro disse...

Quem me dera ser poeta, para te poder dar o real valor. Aquele que mereces.


Beijinhos

poetaeusou . . . disse...

*
Onde me perca no...inverosímil?
*
xi
*

Vera disse...

Belíssimo poema amiga!
Quanto Amor neste poema de Amor!
Leva-te, certamente! Eu levo o poema no coração!

Beijo grande

Alexandre disse...

O teu poema está espantoso. Se me pedissem para destacar um verso eu teria muita dificuldade. Arriscaria este:

«Quero ser em ti o melhor de mim!»

Muitos beijinhos!!!

rui disse...

Olá Goreti

Poesia delicada e requintada, "Pouco importa! Deixa o coração falar!"

Beijinho

Olhos de mel disse...

Passei por aqui e deixei beijinhos...

Fallen Angel disse...

« Quero ser em ti o melhor de mim..»

Que pensamento lindo..