segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

Cansaço

Mundo cruel, Vida tirana...
Por que esperas Morte ingrata?
Tua foice, em minha alma, sana
As feridas que ninguém trata!

Velha negra, por que esperas?
Cobre meus ombros com tua capa,
Carrega-me para outras esferas
E tua voz soará como harpa!

Teu canto será suave
Como canto de sereia,
Não colocarei entrave
Sequer te acharei feia!

Dá-me o teu regaço,
Mãe te sentirei!
É tão grande o cansaço!...
Dormirei!...


http://www.escritartes.com/forum/index.php?referredby=3

22 comentários:

poetaeusou . . . disse...

*
PoesiaMGD
,
eleva-te e descansa,
,
e sonha ... com a vida,
,
conchinhas
*

Maria Laura disse...

Desejar a morte? Ah, não! Quero o bom e o mau da vida. Para que o sangue pulse.

efeneto disse...

...embora não se deva seguir está aqui magistralmente retratada.
Beijo.

Oliver Pickwick disse...

Bela e soturna como um romance gótico ancestral. Assim é a sua poesia, querida Mgd.
Me encanta a diversidade da inspiração dos menestréis, capaz de produzir versos exaltando os amores possíveis, ou lamentar os impossíveis, sem nenhuma depedência do seu real sentimento e estado de espírito.
Beijos!

António disse...

Minha querida!
Estas quadras foram escritas num dia em que estavas em baixo.
Espero que já tenhas o astral novamente em cima.

Beijinhos

João Cordeiro disse...

Obrigado pelo teu sempre cativante comentário...

Um grande beijo para a minha poetisa

MiguelGomes disse...

Temos que descansar, não é verdade?
Bom descanso e fica bem.

Miguel

Sei que existes disse...

A morte é certa, mais dia menos dia ela aparecerá...então porque não aproveitar pra tirar o máximo de partido desta vida terrena?Há fases péssimas, é verdade, fases de tão grande sofrimento que parece que não se vai conseguir suportar, mas depois verificamos que até se consegue... e dias melhores virão... não desistas nunca!
Beijocas grandes

Alma Nova disse...

A vida não é tirana! Oferece-nos a cada dia tantas pequenas-grandes maravilhas...basta abandonar a concha de pedra onde dela nos escondemos e deixar que o rosto se molhe nas gotas fresca da chuva...
Vida, Sim!...A morte que espere a sua hora.

tufa tau disse...

que bela morte a tua!


obrigada pelo convite
deixo um abraço bem vivo

T u r t l e M o o n disse...

E eu nunca me canso de te ler...és magnífica,sobretudo no Diário!!!Elegi este teu blog como sendo vip para mim, vai ao meu e respondo a um desafio...bjs

GarçaReal disse...

Fantástico...

Poema repleto de beleza, pois gosto de poemas que abordam temas negros..

bjgrande

Maria disse...

Vim conhecer-te.... apesar de já me ter cruzado contigo, com certeza....
Volto!

mjf disse...

Olá!
Vim retribuir a tua visita, e gostei do que li

Voltarei

Beijos

efeneto disse...

A árvore esconde-se do vento
contra o muro
roído pelo tempo
cansado de sol.

As folhas escolhem o chão
secas de respirar
e a cal do muro
vive as horas
que a árvore lhe encosta.
A árvore e o muro
sabem da música do vento
e do respirar das pedras.
No frio do Inverno lhes desejo
Um quente fim-de-semana.
efeneto

Memórias de Um Sorriso Luso ® disse...

Triste, muito triste, embora muito delicado.Gostei!

Kiss e um sorriso

AURORA ( LOLA ) disse...

Dá-me o teu regaço,
Mãe te sentirei!
É tão grande o cansaço!...
Dormirei!...

Olá, em 1 lugar obrigado pela visita no meu cantinho depois lhe dizer que adorei o que li no seu, na qual vou voltar mais vezes, bjs e volte sempre.

Nilson Barcelli disse...

Cruzes canhoto...
A Dona Morte que vá dar uma curva ao bilhar grande e volte no próximo século...

Mas gostei do poema, ele está escrito com muito saber poético.

Bfs, beijinhos.

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá, dei com seu blog ao ocaso...espectacular !
Convido você a visitar o meu, tá?
Beijo

Dias disse...

Bom, gostei, parabéns.

Abraços

Anónimo disse...

Mundo cruel...porque crueis são
Para o povo seus senhores!
Tirana a vida, isso é que não!
Enquanto como tu, eu vir flores!

Parabéns pelo poema e...viva a vida!
CN

CN disse...

Vento que passas
Escuta meus ais
...

Há tantos anos! Obrigado por me recordares esse poema...

Já tinha visto os links e já andei por lá...
Ah! eu sou o CN do comentário anterior...